O QUE ESTÁ ACONTECENDO COM NOSSAS CRIANÇAS E ADOLESCENTES?

“A baleia azul e a triste realidade de filhos órfãos de pais vivos”

Será que o mundo não percebe onde está o erro? Os pais já não são mais pais! São marionetes nas mãos de filhos cada vez mais prepotentes, que não respeitam nenhuma autoridade; filhos intolerantes com os outros e com eles mesmos.

Temos criado uma geração que é excelente em tecnologias, mas deficiente em relações. São crianças e adolescentes que estão crescendo sem desenvolverem o sentimento de gratidão, sem aprenderem a ser solidários e se achando invencíveis. E, quando algo sai errado, quando se sentem contrariados, angustiados ou mesmo inseguros (sensações típicas da adolescência e que não deveriam causar tantos estragos), buscam alívio em ações autodestrutivas.

Mas, a pergunta que está presente em todos os lugares é “por que eles estão se destruindo?”. E eu vos respondo: PORQUE ELES CONTINUAM SENDO, APENAS, CRIANÇAS E ADOLESCENTES. São imaturos pela própria natureza. Precisam de orientação, identificação, proteção, precisam desenvolverem o senso crítico juntamente com o sentimento de pertencimento. Eles precisam de NÓS, adultos. Nós, que sempre estamos ocupados, cansados, irritados e não temos tido tempo para oferecer-lhes o que, realmente, precisam. Aí está o erro e eu não tenho medo de dizer: OS ADULTOS SÃO OS CULPADOS!
MC

Atendimento online em: http://www.psicolink.com.br/mariacesar

#Mariapsi #reflexoes#educartbemédizernao#educaréumaresponsabilidadeessencialmentedafamilia#filhossaooreflexodospais#educarexigeautoconhecimento

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s