Violência sexual: uma memória que não se apaga?

Resultado de imagem para violência sexual

  • Sim, não podemos apagar da memória as experiências que vivemos. Mas, podemos RESSIGNIFICÁ-LAS!

    Como se libertar do trauma da violência sexual?

    Em qualquer faixa etária a experiência de uma violência sexual pode levar ao desenvolvimento de um trauma. O trauma ocorre pela incapacidade da pessoa superar determinado acontecimento em sua vida. No caso específico de violência sexual, poderá levar a criança a ter, na vida adulta, grandes dificuldades de relacionamento, devido a uma incapacidade para confiar, bem como tornar-se incapaz de vivenciar sua sexualidade plenamente.

    A maneira como esse trauma irá influenciar na vida adulta de uma pessoa dependerá de vários fatores, tais como intensidade da violência, duração, características individuais da personalidade e, principalmente, da atenção recebida no ambiente familiar após o descobrimento do evento Traumático.

    Quando crianças, somos inocentes, indefesos e despreparados para a vida. Precisamos de alguém que supra as nossas necessidades para um desenvolvimento satisfatório. Quando esse alguém não existe e ainda somos violentados em nossa existência, os traumas surgem e, podem ser levados para a vida adulta. Essas sequelas fazem com que o adulto mantenha uma postura defensiva perante a vida, por sentir-se sempre inseguro. Mas, não precisa ser assim para sempre. Você pode encontrar uma forma de lidar com esse passado de maneira funcional e supera-lo de uma vez por todas, deixando- no lugar onde deve estar: no passado! A TERAPIA pode te auxiliar nesse processo.

    Nesse caso, junto com o terapeuta, você pode encontrar caminhos para redescobrir sua força, sua energia e sua alegria de viver. Para isso, é necessário que o trauma seja revivido não só com lembranças, mas com emoções e afetos correspondentes. É preciso retornar àquele lugar doloroso, para que você possa encontrar segurança em meio ao caos não elaborado anteriormente. Ou seja, você não precisa carregar em sua bagagem toda dor sofrida na infância. Não precisa ser refém de uma experiência dolorosa o resto da vida. Você pode, SIM, superar sua dor e ressignificar a experiência vivida se forma que possa sentir-se livre para ser plenamente FELIZ. 

  • Se este for o seu caso, não continue sofrendo com lembranças. Procure ajuda profissional e liberte-se desse sofrer! AGENDE SEU ATENDIMENTO e EU poderei te ajudar a fazer essa caminhada.

    Boa noite a todos
    MC

Atendimento online em: http://www.psicolink.com.br/mariacesar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s